sábado, 21 de maio de 2016

Teoria Macabra: Doc Brown teria matado uma versão do Marty?

Esta é uma teoria estranha que surgiu na rede sobre Back to the Future, e diz que há uma versão do Marty que Doc matou (Santo Deus!). Isso é meio assustador, certo? Porque como sabemos ao assistir aos filmes, Doc nunca matou ninguém. Mas acontece que há uma teoria a qual diz que ele fez isso sim!


Primeiro aqui vai um aviso rápido: esta teoria pode ser perturbadora demais para alguns fanáticos! Se você ama muito BTTF (amo muito tudo isso) e não quer que suas convicções sejam arruinadas ou não é uma pessoa de mente aberta, melhor parar por aqui.

Bom, se esta ciente aqui vai a estranha ideia.

Em Back to the Future, Marty viaja de volta para 1955 e pede que ao Doc Brown de 1955, para ajudá-lo a voltar a 1985.

Doc obteve um resultado positivo no retorno de Marty de volta a 1985, usando o raio da torre do relógio, que foi canalizado para o Flux-Capacitor, enviando 1,21 gigawatts necessários para a viagem no tempo.

No entanto, no começo do filme, antes de Marty viajar para 1955, Doc havia sido baleado e morto por líbios por roubar seu plutônio. Marty tentou avisar o Doc de 1955 sobre a sua futura morte em 1985. Sem êxito, quando Marty volta a 1985, ele vê o Doc levando um tiros "básicos" dos líbios e o que ele acredita ser seu próprio "eu" do passado. 

Doutor Brown sobrevive porque ele resgatou a carta (ou seja, colou os pedacinhos que ele rasgou) escrita pelo Marty, informando-o da sua futura morte. E o que dizer sobre o Marty? Bem, Marty assiste o seu "eu" do passado viajar de volta no tempo (para 1955) no final do filme, gerando esse looping temporal saudável e gostoso que todos adoramos.

Mas acontece que uma teoria diz que não é bem assim...


Veja, a teoria diz que, este Marty que vemos viajar de volta no tempo no final do filme não é o mesmo Marty que vimos viajar no início. O Marty "original" que conhecemos no inicio, conviveu com a mãe Lorraine alcoólica, o pai George nerd e o chefe Biff fazedor de bullying. Todavia, quando Marty pulou na máquina do tempo e, inadvertidamente, viajou a 1955, ele mudou esse passado. Ele interferiu com o primeiro encontro de seus pais e, embora eles tenham ficado juntos novamente, isso mudou o futuro de todos.

Lorraine torna-se mais feliz e magra, George é agora um escritor de sucesso e Biff torna-se mais "gentil" com todos. E esta é a família que o "novo" Marty cresceu. E ele ainda comprou a Toyota 4x4, que o Marty queria no começo.

Sendo assim, se toda a família do Marty mudou, talvez o Marty não tenha se tornado o tipo de jovem que iria sair com um cientista maluco. Como consequência, na nova linha do tempo, Doc sabia que tinha que rastrear o "novo" Marty, e construir uma máquina do tempo para envia-lo de volta, porque ele sabia que, precisamente em 26 de Outubro de 1985, o Marty "original" que ele conheceu em 1955 iria reaparecer e aí existiriam dois Martys nessa realidade, e isso poderia destruir o continuum espaço-tempo.

E vemos isso acontecer, porque no final do filme, assistimos esse "novo" Marty voltar no tempo. Mas para onde (ou quando) Doc o reenviou?


Quero dizer, o "novo" Marty não poderia ter sido enviado de volta a 1955, porque já existe um Marty lá. E ele não poderia ser enviado para um futuro distante, porque "talvez" Marty faria algo perigoso que destruiria o universo. Então, como Doc é inteligente, ele deve ter mandado o garoto de volta no tempo para um distante passado. Tão longe quando a Terra ainda era lava derretida! Ele enviou Marty para um momento onde se afogaria em lava e, portanto, concluímos que Doc enviou Marty para a morte!

Assim, no final do filme, quando pensamos que é apenas o Marty "original" viajando de volta para 1955, estamos na verdade vendo um Marty "diferente" viajando para a sua morte, tornando-o um mártir.


Você pode pensar "esta teoria é absurda". OK, concordo! 

Mas permita-me mostrar a história de Back to the Future por outro ângulo!

"Em 1955, o cientista Doutor Emmett L. Brown tem uma revelação. Ele imagina o Capacitor de Fluxo, um componente ideal para criar a máquina do tempo. Mais tarde, naquele mesmo dia, um jovem de 17 anos, chamado Marty McFly, chega em sua porta vindo do ano 1985. Doc imediatamente sabe que concluiu o trabalho da máquina do tempo, testando-a em 26 de Outubro de 1985. Doc envia esse Marty de volta a 1985 e cria a máquina do tempo em um DeLorean DMC-12. Ele rastreia o Marty que vai nascer, e em 1985 o engana, enviando-o para uma viagem no tempo para a morte. Doc diz para esse novo Marty que se ele não fizer aquilo, ele iria destruir o continuum espaço-tempo e diz que seus pais o odiavam, que viveriam melhor sem ele, e que Jennifer queria terminar o namoro pois estava gostando de outra pessoa. Extremamente deprimido, Marty pula no DeLorean e acelera a 88 mph, mandando-o para antes que a Terra fosse formada. Marty afoga-se em lava e morre. Enquanto isso, o Doc e o Marty (que retornou de 1955 para 1985) continuam felizes suas vidas".

Sim, nós sabemos que isso é meio doente. Mas nós te avisamos!

Bom sonhos imaginando esse Doctor Brown demoníaco... kkkk

Fonte: http://moviepilot.com

2 comentários:

  1. Faz sentido, houve uma mudança no futuro de todos quando Marty reuniu seus pais novamente criando uma linha do tempo alternativa, Doc de 1955 sendo cientista com certeza p previu isso

    ResponderExcluir
  2. teorias são sempre teorias..kkkkk, quase tudo é possivel quando se trata de viagens no tempo e realidades alternativas.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...